STJ decide que casal homossexual pode adotar criança

Estava lendo, no blog do Wellington Carneiro, essa notícia que saiu na Folha online. Essa crescente concessão de direitos aos homossexuais não vai parar. Isso é bom, no meu sentir. Acho que eles devem ter os mesmos direitos que qq pessoa hetero tem. Alguns vão objetar que, de acordo com a bíblia, isso seria errado, pq pessoas do mesmo sexo não podem ser uma “família”. E que a criança adotada receberia uma má influência devido a este fato.
Apesar de concordar que o ideal é uma criança ter “pai e mãe” ao invés de dois pais ou duas mães, sendo que um deles estará tentado fazer o papel do que “falta”, penso que seríamos muito hipócritas se não permitíssemos esse tipo de adoção.
O que tem de criança abandonada nesse país é um absurdo! E preferir que elas continuem sendo criadas em instituições que sabemos não muito saudáveis é ridículo.
Além disso, uma criança ter um pai e mãe “tradicionais” não significa amor, cuidado, proteção…se vê cada coisa por aí…
Acho que se um casal homo quer ter uma criança para amar e cuidar, se eles passaram pelo crivo da assistência social que cuida dessas coisas…não vejo razão para negar. E dizer que corremos o risco de formar uma geração de filhos de homo que tb serão homo…acho bobagem, não há fundamento médico, psiquiátrico ou científico para fazer essa afirmação.
Então, aberta esta porta pelo STJ, me parece que haverá uma enxurrada de adoções deste tipo.
Que bom, menos crianças sem lar.
Abraços.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s