Contradições incompreensíveis.

O título parece meio doido. Uma coisa contraditória já é dose de aguentar. Quando ela é totalmente incompreensível…bom, aí fica realmente muito doido. Eu vejo cada coisa mais estranha nessa vida! Me impressiona como cada um dá às palavras o alcance que quer, interpretação que quer, a que fica mais confortável. Mesmo quando ouve alguém dizer umas palavras sábias, e ouviu-as porque quis, e porque foi atrás delas inclusive, ainda assim não consegue sair da posição que contradiz completamente as “tais palavras sábias”. Será que o sábio não é assim tão sábio afinal? E se não é… por que ouvi-lo?

A questão das “acomodações” dos conceitos e doutrinas da vida é tão complexa! “Eu vejo assim, mas ele vê daquele outro modo.” Só que ambos estão olhando a mesma coisa! E ambos acreditam piamente que os dois estão certos. Não, eu não escrevi errado: Cada um acha que está certo…e o outro também. E estão bem confortáveis. Todos estão certos, mesmo dizendo coisas diferentes a respeito do mesmo assunto. ?!?!?!?!?!

Será que a minha cabeça é que não alcança tamanho entendimento? Óbvio que não se trata disso. Na verdade as pessoas fazem tais acomodações em seus conceitos porque é mais fácil. E se tem uma coisa da qual o ser humano gosta é de facilidade, conforto, no stress. Há exceções: aqueles que aguardam atitudes que implicam uma chacoalhada nos acomodados geralmente não estão nada confortáveis.

Dá para encaixar aqui neste texto qualquer assunto. O meu consiste numa visão teológica. Hoje fui assistir uma palestra de um Pastor muito conceituado no meio evangélico. Foi convidado por um grupo de Pastores locais. O cara deu uma palavra muito boa, sábia, relevante. É respeitado, pastoreia uma igreja MEGA, pencas de membros, gente nova chegando aos balaios, com mil ministérios, rica, próspera e que faz a diferença na sua cidade. Aí o Pastor falando sobre seus trabalhos, faz menção das “Pastoras” da sua igreja. Fala várias vezes sobre isso. Incrível: a audiência é formada por Pastores que afirmam que as mulheres não podem ser “Pastoras”!! Baseados na Bíblia!

Pera aí: Ninguém sabe que na igreja essa ordenam mulheres?? Convidaram o sujeito porque creem que ele é uma bênção (e é, é só ouvir o cara!), mas ele faz uma coisa que aqui acreditam que não se pode fazer, segundo a mesma Bíblia que todos usam? Se não pode fazer, que bênção é essa que a igreja dele possui, que é muito maior do que as igrejas daqui? Ele não está errado, segundo os conceitos locais? Alôôôô!!!

Aí eu ouço ao longe aquela frase que ressoa nestes pagos: é a nossa visão… é a visão deles...

Pedir que me expliquem isso é perda de tempo. São as famosas “acomodações”. Aquele velho e fofo sofá evangélico. O que eu faço diante disso? Nada. Me irrito, claro, mas não esquento cabeça. Coloco aqui, para reflexão de quem resolveu ler até o fim. Quem participa desta forma de ver as coisas que faça bom proveito. Mas não serve pra mim. Que pena … deles…

Abraços.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s