Saudade da infância

Hoje me deu uma saudade da minha mãe… Mães não deveriam morrer, né? A não ser aquelas que de mãe só tem as letras, nenhum sentido. 
E acabei me lembrando de uma ocasião: Estava chovendo muito, não dava pra ir pra rua, estava frio, era inverno. A gente sem nada pra fazer, eu e minha irmã em casa, farol baixo… e veio a mãe e começou a fazer trenzinho conosco pelo corredor. Detalhe: ela tinha terminado de passar cera na casa, então fizemos trenzinho com flanela nos pés para lustrar o chão!
Uma coisa tão simples, mas ficou guardada na minha memória. Eu devia ter uns nove ou dez anos, minha irmã dois anos menos do que eu. E me lembro da gente andando pela casa (arrastando os pés, na verdade), com flanelas debaixo das pantufas, fazendo “tchu-tchu”…”tchu-tchu”…
Saudade da minha infância!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s